Alterações na varanda: cuidado com as normas do condomínio

0

Reforma na varanda não deve mexer na harmonia da fachada do prédio. Veja quais mudanças são permitidas

Varanda

Seja para tornar sua varanda um pouco mais gourmet e funcional. Ou ainda apenas para que este ambiente também combine com a reforma que já foi feita dentro de casa, como pintar uma simples parede, por exemplo: alterações na varanda devem acontecer totalmente de acordo com as normas do condomínio. Tudo porque cada condomínio residencial tem suas próprias regras de convivência e harmonia entre os condôminos e apartamentos.

Portanto, antes de pensar em alterar sua varanda, consulte o estatuto de normas de seu prédio. Além disso, chame um pedreiro especializado para que, dentro das tais normas, nada saia do formato permitido. Veja mais dicas e tenha a varanda que sempre sonhou, sem desrespeitar nenhuma regra.

Ar-condicionado, varanda gourmet e vidros

Varanda

Geralmente, os condomínios são maleáveis quanto a instalação de vidros (cercando a varanda), bem como também de um sistema de ar-condicionado. Entretanto, os vidros que circundam o espaço devem ser padrões com o acordado geralmente em assembleias, tendo um padrão de cor e transparência, para que não destoe do restante do prédio.

O sistema de ar-condicionado também deve seguir as regras, como posicionamento do aparelho e tubos de circulação de ar. Se o seu plano envolve a instalação de uma área gourmet, é fundamental fazer um estudo do espaço, bem como das instalações que serão necessárias. Se o prédio não suportar tais adereços, vale desistir à ganhar uma dor de cabeça extra.

Integração varanda e sala de estar

Uma das coisas que pode ser bem interessante e tampouco não atrapalhar o projeto e harmonização do prédio é a integração da varanda à sala de estar, como se fossem um grande loft. Mesmo assim, é preciso estudar o estatuto de normas e ter um bom pedreiro e projetista para que nada saia errado.

Varanda

Este tipo de reforma consiste, geralmente, em derrubar a estrutura que separa os cômodos, dentro do apartamento. Mas cuidado: este tipo de obra pode mexer na estrutura interna do espaço, como retirar uma parede de sustentação, por exemplo.

Cores e adereços

Da mesma forma que geralmente os condomínios não permitem alterações na estrutura da varanda, é preciso tomar cuidado com outras mudanças: o uso de texturas, cores fortes ou mesmo pintura das grades de uma cor diferente a aplicada no restante do prédio.

Varanda

Além disso, mesmo que não haja uma reforma: somente a instalação de iluminação, redes de descanso ou a distribuição de plantas diversas no ambiente da varanda, uma comunicação deve ser feita à administração do condomínio para que não haja problemas mais graves com o descumprimento de normas. Siga as regras e use a criatividade dentro do que for permitido para deixar sua varanda com o seu jeito.

 

Autor: Adriana Lima– 24 anos, jornalista e apaixonada por decoração





Compartilhe:

Sobre o Autor

Comentários não são permitidos.