conheça outros tipos de revestimentos para paines de parede

As cores e texturas nas paredes estão cedendo espaço a outros tipos de revestimentos.

As cores e texturas nas paredes estão cedendo espaço a outros tipos de revestimentos. Acompanhando a evolução do design, estes materiais proporcionam diferentes efeitos e sensações aos projetos. O uso de madeiras, pedras, papéis de parede e muitos outros, permite grande flexibilidade. Um mesmo painel pode ser executado em mármore ou madeira, adaptando-se ao conceito …

use e abuse da decoração no terraço do seu imovel

Use e abuse na decoração do terraço

Ocupando um lugar de destaque nos empreendimentos de hoje, o terraço surge como um refúgio diante da correria do nosso dia a dia.  A tendência nos empreendimentos é que esse tipo de área seja cada vez  maior e que, por isso, pode ser melhor aproveitada, permitindo um uso diário e bastante funcional. A esta parte …

Horta de Temperos. Cultive a sua sem precisar de grandes espaços


[Por Beatriz Santiago]

Hoje em dia, mesmo que você não tenha um grande espaço, é possível realizar o sonho de poder ter a sua própria horta de temperos.
Com as dicas das melhores espécies para cultivar em casa, não tem erro. 
Em primeiro lugar, é necessário ter, no mínimo, 2 horas de sol todos os dias. Se você tiver uma varandinha com espaço, o plantio pode ser feito em jardineiras ou vasinhos com uma boa drenagem para não acumular muita água. 
Mas se você não tiver espaço, a dica é montar uma hortinha vertical de temperos, com as incríveis bolsas vivas, é só colocar um pouco de terra por baixo e plantar os temperos. Fica lindo e não vai ocupar espaço!
Tenha alecrim no seu jardim
A rega deve ser realizada de forma diária, mas sem exageros. 
Os melhores temperos para o cultivo são: Alecrim, hortelã, manjericão, orégano, tomilho, coentro e o salsão.
– Como fazer uma horta num apartamento pequeno?
É o sonho de quase todas as pessoas, e hoje com as novidades do mercado qualquer um pode ter, inclusive em pequenos espaços.
Para quem não tem espaço, o ideal é ter uma hortinha vertical que, com as incríveis e modernas bolsavivas (bolsas para jardins verticais que estão no cenário do Mais Você), podem ser instaladas em qualquer parede, inclusive, na área de serviço. 
A hortinha também pode ser montada em varanda, parapeito e sacadinha. Dá sempre para arrumar um cantinho para uma hortinha caseira.
– Quais ervas/temperos são mais aconselháveis para plantar? Por quê?
As  melhores ervas/temperos para uma hortinha caseira, certamente são as mais úteis para cozinha e mais resistentes ao nosso clima, como: alecrim, manjerição, hortelã, orégano, tomilho, sálvia, pimenta e salsão.
– Como devem ser os vasos?
Os vasos podem ser de qualquer tamanho, dependendo da área destinada para os temperos, pequenos, médios ou grandes. Também podem ser montadas em jardineiras, mas é importante separar bem as ervinhas, já que cada uma requer um cuidado especial. Neste caso, é importante fazer uma boa drenagem nos vasos, que deve ser feita com pedrinhas no fundo.
No jardim vertical, pode ser montada diretamente na Bolsaviva.
– Como precisa ser o ambiente (iluminação, umidade, etc)?
O sol é um fator importante para uma hortinha saudável. O aconselhável é ter, no mínimo, 2 horas de sol diariamente.
– É preciso regar todos os dias? Qual a quantidade de água?
Os temperos precisam ser regados todos os dias, sempre no início da manhã ou no final da tarde, nunca do meio do dia quando o sol é mais forte. Sempre em horários mais amenos.
A quantidade de água tem que ser medida conforme o tamanho dos vasos.
– De quanto em quanto tempo deve ser adubado?
A adubação é realizada para corrigir a deficência natural do solo, porém é importante ter cuidado, já que os temperos são utilizados para consumo, então o indicado é o adubo orgânico. Pode ser feita a cada 30 dias.
– Quais as dicas para cuidar da horta?
Regar todos os dias na quantidade adequada para cada tamanho de vaso, ficar atento quanto à incidência do sol e utilizar o adubo orgânico.
– Quais os principais erros cometidos por quem faz uma horta no apartamento?
Esquecer de regar, exagerar no volume de água e deixar em local sombreado.
Plantar várias ervinhas diferentes no mesmo vaso ou jardineira.
Não preparar a drenagem dos vasos.
Não retirar as ervas daninhas.
Não adubar.
– Depois de quanto tempo as ervas e temperos podem ser consumidos?
Elas podem ser consumidas logo após a colheita na hortinha caseira. Dependendo do tempero pode ser consumido fresquinho ou depois de seco.
Vale escolher a que mais combina com o seu dia-a-dia:
Manjericão: prefere temperaturas mais altas ou, pelo menos, amenas. É bom se informar sobre as peculiaridades dos diferentes tipos. O manjericão roxo, por exemplo, não gosta de muito sol. É ótimo para acompanhar pratos da cozinha italiana, como pizzas e molhos para massas. 
Alecrim: como é uma planta muito resistente, é ideal para quem não tem muito tempo para cuidar da horta. Adaptado a climas mais quentes e secos, pode passar até três dias sem ser regado. É ideal para temperar carnes, especialmente peixe e frango. 
Salsão: resiste bem ao inverno e precisa ser regada diariamente para se desenvolver. Usada em sopas, saladas, omeletes e sanduíches.
Hortelã: como as raízes são mais profundas que as das demais ervas, deve-se sempre plantá-la sozinha em um vaso, para não prejudicar o desenvolvimento das outras plantas. Bastante apreciada pela culinária árabe, vai bem em assados e grelhados e pode ser usada na decoração de pratos e no preparo de chás. 
Orégano: se adapta bem em vários ambientes e exige pouca água para se desenvolver. Conhecido por seu uso em pizzas, o orégano também pode ser utilizado em molhos e assados.
Pimenta: resistente, é uma planta que gosta de espaço para se desenvolver. Vale a pena plantá-la sozinha na floreira, para que consiga crescer rapidamente. Com seu sabor picante, vai bem em molhos, conservas e temperos.
Sálvia: resiste bem às baixas temperaturas, então se dá bem no inverno. É ideal para quem não tem muito tempo para cuidar, porque pode ser regada a cada dois dias. É usada principalmente para a decoração de pratos e para temperar carnes mais gordurosas, como carne de caça.
Tomilho: é do tipo que não gosta de muita água e pode ser regado a cada dois dias. Uma dica importante: quanto menor a umidade no vaso, mais cheiroso o tomilho fica. Usado principalmente em ensopados e molhos à base de vinho.
Eu particularmente gosto muito de jardins tropicais, cuja principal característica é a utilização de espécies de regiões litorâneas ou bem húmidas

Jardins tropicais: simples e belos

As plantas tropicais costumam atrair passarinhos, insetos e borboletas.   Eu particularmente gosto muito de jardins tropicais, cuja principal característica é a utilização de espécies de regiões litorâneas ou bem húmidas, como das zonas tropicais e subtropicais. Essas plantas tropicais possuem geralmente folhas sensíveis ao vento – se quebrando facilmente quando expostas à estas condições …

Aprenda a escolher os móveis certos para um apartamento pequeno

Hoje em dia, na hora de decorar um apartamento pequeno, muita gente se desespera. Por isso vamos dar algumas dicas de como otimizar esse espaço e escolher os móveis certos! Em primeiro lugar, opte por poucos móveis que ocupem uma área grande Por exemplo, em uma sala de estar escolha um sofá bonito e talvez …

projeto de paisagismo

O encanto dos móveis para um projeto de paisagismo em área externa

Criatividade para compor espaço gourmet, churrasqueira, área de descanso, área de estar ou jardim. Inspire-se e crie o projeto dos seus sonhos para sua área externa. Nos meus projetos de paisagismo, costumo desenvolver a decoração do espaço externo, ou a chamada arquitetura externa com espaço gourmet, churrasqueira, área de descanso, área de estar, piscina, espelho …

Setembro chegou com a eminência da primavera. Inspire-se!

Setembro chegou com a eminência da primavera. Inspire-se!

Espécies rústicas e resistentes, como é o caso da Azaléia, Primavera, Iris azul, Ixora e Lavanda, combinam mais com a estação.

flores certas para a primavera!

Estar perto da natureza é muito bom e na primavera esse prazer ainda é maior. As flores geralmente trazer um ar de alegria, romance e vida a qualquer ambiente. Quem não gosta de caminhar em um parque ou num jardim com aquele visual colorido e perfumado? Mais gostoso ainda é poder trazer a beleza das flores para dentro de casa, porém, sempre há dúvidas sobre o tratamento das plantas, quais espécies são indicadas, entre outras incertezas frequentes.

Ter um jardim florido e bem cuidado é muito prazeroso, porém realmente exige cuidado contínuo, investimento em adubo, controle de pragas, além de um profissional qualificado para cuidar periodicamente das plantinhas.

Há três opções de solução que ajudam quem não tem tempo, paciência ou mesmo dinheiro para cuidar de um jardim: para pessoas que gostam de ter plantas em casa e seu cuidado se limitará à rega, o recomendado é utilizar vasos com espécies plantadas e adequadas para ambientes internos. Tais espécies necessitam de menos tempo de cuidado e inclusive menos rega. Uma espécie que floresce em ambiente interno e quase o ano todo é o Antúrio e sua variedade “mini”, é mais delicada e menor. Para quem prefere não se preocupar, por causa da correria do dia a dia, nem mesmo com a rega das plantas, a melhor opção é contratar arranjos florais em empresas especializadas que fornecem os arranjos e os substituem periodicamente. Já aqueles que buscam praticidade e custo zero de manutenção, plantas artificiais podem ser uma boa saída.

Durante a Primavera, é necessário procurar por espécies rústicas e resistentes como é o caso da Azaléia, Primavera, Iris azul, Ixora e Lavanda. Essas espécies resistem muito bem aos meses frios e estarão lindas na Primavera. Em contra partida, espécies conhecidas como tropicais que são mais sensíveis a variações climáticas, estarão na Primavera com suas folhas queimadas, com manchas e em alguns casos demoram meses para se recuperarem.

Tanto a Primavera quanto o Verão são estações ótimas para se cultivar espécies de flor e apreciar sua beleza. As flores também podem ser mescladas com mudas ornamentais, apenas com folhagens sem flor, que ajudarão a ressaltar a forma e o colorido das flores.

Nesta época do ano, quando as espécies estão florescendo, elas precisam de cuidados especiais, como a rega constante e adubação adequada para cada tipo de espécie.

Mas leva algum tempo para que um jardim fique bonito e bem formado. As pessoas podem escolher plantas resistentes ao Inverno ou espécies mais delicadas, que levarão mais tempo para se recuperarem. No inicio da Primavera é indicado evitar espécies com folhas delicadas como é o caso das tropicais. Já no final da Primavera certas espécies já estarão revigoradas e florescendo muito bem, como é o caso das Impatiens, Margaridas, Gardenia, dentre outras.

dicas de iluminação no projeto de decoração

Dicas de iluminação na decoração

Costumo desenvolver meus projetos colocando da melhor maneira possível a iluminação, deixando o ar cênico. Algumas características do meu trabalho estão sempre presentes, como rebaixos no forro de gesso, detalhes como sanca invertida, pórticos e painéis iluminados, geralmente feitos em marcenaria. Nesses detalhes eu costumo usar lâmpadas T5, nos nichos mini-dicróicas e Leds, sempre com …

Dicas para a decoração de espaços pequenos

Cada vez mais os apartamentos são compactos e é preciso decorar os ambientes da melhor forma possível, aproveitando cada cantinho. Nessa hora, algumas dicas são preciosas. A primeira delas é mais do que conhecida: utilizar espelhos. Eles dão a impressão de que o local é mais amplo e podem contar com uma moldura que seja …

Altto Campo Belo: decoração sofisticada

Cada vez mais os apartamentos são pequenos e práticos, atendendo às necessidades do cotidiano corrido do mundo pós-moderno. O Altto Campo Belo vai no sentido contrário a essa tendência, com espaço de sobra, comodidade e muito potencial para uma decoração refinada. O requinte e a sofisticação ganham vida no apartamento modelo de 485 m² de área …

Origami

Origami na decoração

Uma opção de decoração simples, barata e criativa é a utilização de origamis como enfeites. As dobraduras orientais são uma arte japonesa que envolve apenas a dobra do papel – não usa cola ou tesoura – e cuja complexidade pode variar.Um dos mais tradicionais origamis é o tsuru. O significado do pássaro está associado à …

Quarto

Dicas para a decoração de quartos infantis

Na hora de decorar quartos infantis, algumas dicas são preciosas. Em primeiro lugar, no cômodo tem que ter espaço para todas as atividades diárias da criança em casa. Ela tem que se sentir confortável para brincar, estudar e, é claro, dormir no local. Quartos de crianças, paredes com as cores preferidas dos pequenos e temas que eles gostem …

Varandas: muitas opções para sua casa

Varandas cada vez maiores

Os últimos lançamentos de imóveis evidenciam uma tendência: varandas cada vez maiores. Seja em apartamentos de alto padrão ou naqueles com uma metragem menor, as varandas estão deixando de ser um detalhe. Elas são imprescindíveis e ganham destaque na hora de decorar a casa.

Com cara de área externa, sendo uma extensão da sala de estar ou um espaço gourmet, não podem faltar plantas e móveis adequados. Em varandas nas quais bate bastante sol, são indicadas flores como a ixora e a azálea. Já naquelas sem muito sol, plantas como o antúrio e o lírio da paz são mais aconselhadas.

Móveis resistentes a sol e chuva são importantes, principalmente se a varanda for aberta. Alumínio e fibra sintética são materiais indicados neste caso. Já para quem quer fazer de uma varanda fechada uma continuação da sala, o estilo do cômodo pode ser seguido. Mas vale a pena ficar de olho se bate sol no local para definir que tipo de móvel será usado e como conservá-lo.

São apartamentos relativamente pequenos, com ambientes integrados

Ambientes integrados

Hoje quero falar um pouco de forma mais generalizada sobre uma tendência no mercado imobiliário de ambientes integrados para jovens executivos, recém-casados e enfim, pessoas modernas e atuais que gostam de viver confortavelmente de forma prática e agradável. São apartamentos relativamente pequenos, onde os ambientes se integram atendendo cada um a sua necessidade e proporcionando …

Plantas ornamentais no projeto de paqisagismo

Plantas ornamentais no projeto de paisagismo da sua casa

Plantas ornamentais no projeto de paisagismo da sua casa

Quando compramos plantas ornamentais para interior, ou mesmo para o jardim, nem sempre compramos pela beleza de suas flores. Tem plantas lindíssimas pela sua folhagem manchada, listrada, multicolorida.

Porém algumas produzem belas flores como a Pleomele reflexa, que este mês está no auge de sua floração. O que é mais um atrativo para seu jardim, além da beleza de sua folhagem.

Há outras espécies bem conhecidas em nossa flora que fazem da nossa casa um lugar mais belo, como as Orquídeas, que se encaixam perfeitamente no seu jardim, ou junto com outras plantas, ou colocadas em pequenos vasos.

plantas em apartamento

Um bom exemplo de uma planta ornamental que se destaca pela sua folhagem, é a Espada-de-São-Jorge. Uma planta que se adapta muito bem em locais com diversas iluminações, e além disso, possui muitas crenças populares sobre este vegetal, que nos montra uma grande carga cultural entre os brasileiros.

As vezes a “folhagem” como costumamos chamar tem flores insignificantes, mas algumas além de belas possuem belas flores. Então pense nisso na hora de comprar sua espécie ornamental.

plantas em apartamento

Vale ressaltar a importância de combinar as plantas de acordo com o ambiente da sua casa, para encontrar a harmonia balanceada com cada cômodo, pois os elementos como ventilação e iluminação são essenciais para que suas “companheiras” vegetais consigam crescer de forma saudável.

As plantas ornamentais, de maneira geral, proporcionam um ambiente diferente no seu lar, enriquecendo o cenário doméstico com elementos da natureza, proporcionando um vislumbre atípico do cenário urbano, que contrasta com a rotina do dia a dia , que muitas vezes, passam despercebidas por nossos olhos.

Consulte mais em nossos outros posts de plantas, e veja outras idéias para se inspirar na sua decoração, como este, de composição de um jardim, dentro e fora de casa.