Possui um quarto sobrando? Alugar seu quarto pode ser uma alternativa de negócio

0

Hoje em dia vivemos uma nova era de serviços, as empresas de compartilhamentos. A Uber é o exemplo mais claro dessa nova moda, em que você compartilha seu carro com os passageiros. No mercado imobiliário não é diferente. Você consegue compartilhar desde seu colchão inflável, alugar seu quarto, até seu próprio apartamento. A empresa Airbnb é uma das pioneiras nesse modelo de negócio.

 

alugar quarto

 

O aluguel é uma velha alternativa para arrecadar uma renda extra no final do mês. E com a Airbnb ficou muito mais fácil conseguir um hóspede. A Airbnb conecta turistas (consumidores), que querem alugar um espaço por curto período de tempo, a compartilhadores de locais para hospedagem (fornecedores). A empresa é meramente uma intermediária que ajuda na conexão com um site reconhecidamente confiável.

A empresa conta com mais de 100 milhões de usuários, 650 mil anfitriões, com um total de mais de 3 milhões de lugares para locação, disponíveis em mais de 65.000 cidades e 191 países.

A renda extra com o aluguel parte de 23 reais, que seria o preço da diária mais barata no site, até mais de 367 mil reais, que seria o valor obtido pelo aluguel de 30 dias do mês das casas mais caras da empresa, sendo que algumas chegam a custar mais de 12.5000 reais a diária. A empresa aceita qualquer tipo de espaço, desde um sofá cama até mansões e castelos.

Agora vem a parte boa do negócio, o Airbnb cobra dos anfitriões apenas uma taxa de 3% sobre o valor total da reserva. Esse é o único pagamento que o anunciante faz à empresa pelos seus serviços. A empresa libera o pagamento 24 horas depois do check-in do hóspede. Assim que o pagamento é autorizado, ele ainda precisa ser processado pelo sistema bancário. De acordo com a forma de pagamento, pode demorar algumas horas (ex. Paypal) ou até 15 dias úteis, como no caso de um cheque enviado pelo correio.

Se você gostou da oportunidade e está pensando em alugar seu quarto que está livre no seu apartamento, aí vão algumas dicas.

 

+ Confira os melhores apartamentos compactos para investir junto ao Airbnb 

 

alugar quarto

 

Recompensa financeira não deve ser a única motivação

Segundo Christian Gessner, Diretor Geral do Airbnb no Brasil, quando o dinheiro passa a ser a maior motivação para um anúncio, a experiência pode não dar certo. “O incentivo financeiro não é suficiente. Para o médio prazo, a motivação cultural, de receber pessoas de outros lugares, que falam outras línguas é a motivação mais forte”, diz.

Além da financeira, a motivação da experiência deve estar em alta. Entender as peculiaridades dos hóspedes é fundamental, pois serão eles que irão avaliar seu imóvel e quanto melhor a avaliação, mais chances de conseguir alugar o quarto.

 

Peça um valor mais baixo no começo

Uma das garantias para os futuros hóspedes é a avaliação de seu imóvel, ou seja, um imóvel no começo não possui avaliações, por isso o preço baixo é fundamental para conseguir os primeiros hóspedes. Com as avalições positivas desses hóspedes, o valor já pode aumentar.

“O mais importante como anfitrião é começar com o menor preço possível, porque seu perfil é virgem. Depois da primeira avaliação positiva, o preço pode subir cada vez mais”, diz Gessner.

 

Coloque como objetivo sempre melhorar sua avaliação

Um dos critérios, o mais importante, que definem a ordem dos anúncios no site é a avaliação dos hóspedes. “O algoritmo principal é a avaliação. Quanto mais positiva, mais alto fica o anúncio no ranking. Também influenciam bastante a taxa de rapidez na resposta e a atualização do calendário”, diz o diretor do Airbnb no Brasil. Ou seja, a avaliação do seu imóvel é o termômetro para sua aparição nas buscas.

 

Responda o mais rápido que conseguir

Outro critério para conseguir maior destaque do anúncio no site é a velocidade de resposta e para facilitar essa tarefa, vale usar algumas ferramentas.

Através de mensagens de textos e notificações por meio dos aplicativos, o site oferece um serviço de notificações em tempo real.

O anfitrião tem total liberdade para escolher as reservas que serão aceitas ou não, mas a colocação dos seus anúncios nos resultados das buscas pode piorar caso sejam recusados muitos pedidos. O site possui um artigo sobre a exposição dos anúncios com mais detalhes.

 

Agregue valor ao seu atendimento

Assim como o Uber deu uma “aula” de atendimento quando surgiu, faça o mesmo para se diferenciar da concorrência. Se você mora perto do aeroporto, por exemplo, ofereça ao hóspede o transporte. Se não for tão perto, veja quanto um taxi cobra e ofereça um preço mais baixo para ir buscá-lo. Existem coisas mais simples, como deixar o café da manhã típico do hóspede pronto logo pela manhã, entre outras ações, que muitas vezes não geram grandes gastos.

 

alugar quarto

 

Veja também:

+ Localização x preço: 5 bons motivos para apostar nos apartamentos compactos

+ A ascensão dos imóveis compactos em São Paulo

+ Como arrumar os móveis em um apartamento studio

 

 





Compartilhe:

Sobre o Autor

Trabalha com Marketing Digital na Lopes Consultoria Imobiliária. Estudante do 3° ano de Publicidade e Propaganda no Mackenzie.

Comentários não são permitidos.