Yvan Mispelaere, estilista francês, diretor de design na grife Roberto Cavalli, posto assumido há poucos dias, procurava endereço em Paris
Decoração e Paisagismo

Conheça a casa do Yvan Mispelaere

Yvan Mispelaere, estilista francês, diretor de design na grife Roberto Cavalli, posto assumido há poucos dias, procurava endereço em Paris diferente dos apartamentos Haussman, com tantas sancas, lareiras e detalhes, onde sempre havia vivido. Em uma região que circulara procurando artesãos há vários anos, ao redor da Gare de l’ Est, no nordeste de Paris, Mispelaere encontrou o lugar ideal. Uma escola de circo, que ainda tinha um trapézio pendurado, pé direito altíssimo quase um loft, encantou o designer, que contou com o arquiteto Stéphane Ghestem para a reforma. Os dois criaram algumas “zonas secretas”, que desvendadas pouco a pouco, revelam a cozinha e outros ambientes da nova morada do francês. As peças trazidas das inúmeras viagens são destacadas pelas paredes brancas, como na Grécia, diz Yvan, onde já está construindo uma segunda casa.

Veja as dicas de decoração da casa de Yvan Mispelaere

Casa do Yvan Mispelaere
Sofás Zanotta, luminária comprada em Florença e customizada por Mispelaere e obra em mármore Venske & Spänle. Cortinas de veludo verdes cobrem as grandes janelas.

Casa do Yvan Mispelaere
A cozinha da casa do Yvan Mispelaere está resguardada pelo painel preto, que introduz drama na decoração da dupla de designers. Mesa italiana anos 1950, com tampo em Corian e cadeiras Ross Lovegrove Landscape. Os vasos foram feitos a partir de morteiros utilizados na I Guerra Mundial.

Casa do Yvan Mispelaere
Vasos vintage, cadeira de bronze anos 1960 e bancos Brancusi não faltam na casa de Yvan Mispelaere.

Casa do Yvan Mispelaere
Os azulejos do banheiro tem a assinatura do proprietário e armário de remédios trazido da Sérvia.

Casa do Yvan Mispelaere
Mispelaere assina a colcha sobre a cama. Piso em madeira pintada.

Casa do Yvan Mispelaere
O azul da parede é Dulux Valentine, e os armários foram inspirados em Giorgio de Chirico, grego precursor do surrealismo. Alto-falante anos 1970 acrescenta outro elemento surrealista.

Valéria Coelho

Olhar atento, cursos de Historia da Arte e Design de Interiores, muitos livros, amigos interessantes e viagens são o ponto de partida para o desenvolvimento dos projetos da designer de interiores Valéria Coelho. Há 18 anos no mercado, a profissional traduz em harmonia e elegância a personalidade de seus clientes. A valorização da história de cada família ou empresa é o pilar do trabalho da designer, que tem também extrema facilidade para a mistura de materiais. Há dois anos, Valéria Coelho assina o blog Hardecor, onde compartilha ideias, fala sobre lugares e pessoas interessantes e esclarece dúvidas dos seus leitores.

Você pode gostar de ler também...

1 Comment

Comments are closed.