Gráfico
Estudos e Pesquisas

Vendas intermediadas da LPS BRASIL crescem 4% em 2012

 


No período, o EBITDA ajustado cresceu 9% e o lucro líquido para acionistas controladores subiu 3%

Maior empresa de consultoria de imóveis, detentora das marcas Lopes, Pronto, CrediPronto e Habitcasa, a LPS Brasil (Bovespa: LPSB3; Reuters: LPSB3.SA; Bloomberg: LPSB3.BZ) registrou vendas intermediadas totais de R$ 19,0 bilhões durante o ano de 2012. Comparando com o desempenho de 2011, houve um crescimento de 4%.

As vendas intermediadas no mercado primário representaram R$ 14,4 bilhões, desempenho estável se comparado com o ano anterior. Já o mercado secundário – que congrega a venda de imóveis usados— apresentou um crescimento de 20%, alcançando R$ 4,6 bilhões.

Com indicadores em crescimento, a LPS Brasil teve receita líquida de R$ 423,1 milhões. O crescimento foi de 5% se comparando com o desempenho de 2011, excetuando o ganho extraordinário do earn out pago pelo Itaú em decorrência do resultado da Credipronto! registrados naquele ano. Por contrato, o earn out é pago, quando atingido, bienalmente. Ainda dentro desse critério de comparação, o EBITDA registrou aumento de 9% para R$ 146,7 milhões. O lucro líquido dos acionistas controladores foi de R$ 118 milhões, crescimento de 3%. 

Já a CrediPronto!, joint venture entre Lopes e Itaú para prover financiamento imobiliário, apresentou crescimento de 57% de sua  carteira de financiamentos. Aliás, em novembro de 2012, a participação de 50% da Lopes na joint venture atingiu o breakeven point da operação. A empresa originou em financiamento imobiliário, apenas em 2012, R$ 1,5 bilhão, 18% superior ao volume originado em 2011. A companhia encerrou o ano com uma carteira de R$ 2,8 bilhões. 

Com uma estratégia de ser líder nacional com forte presença regional, a LPS  anunciou, durante o ano de 2012, a aquisição de 4 empresas LPS Foco (São José dos Campos), LPS Piccoloto (Campinas), LPS Cappucci (Campinas) e Raul Fulgêncio (Londrina), sedimentando a presença da marca em regiões importantes. 



Resultado do quarto trimestre

Durante o quarto trimestre de 2012, a LPS Brasil registrou lucro de R$ 41,8 milhões e EBITDA de R$, 37,1 milhões. Nesse período, as vendas intermediadas pelas empresas do grupo atingiram R$ 5,1 bilhões, uma queda de 7% frente ao mesmo período do ano passado. 

Você pode gostar de ler também...