Decoração e Paisagismo

Descubra todos os detalhes envolvidos na elaboração de plantas de casas por arquitetos

Os arquitetos são capazes de lidar com várias atividades diferentes envolvendo a construção civil. Em seu dia-a-dia, eles precisam trabalhar com várias escalas, do micro ao macro. 

Assim, conseguem planejar cidades inteiras, incluindo suas áreas verdes e edifícios. E falando das plantas de casas, elas detalham não só a estrutura do volume, mas seus espaços internos, como as cozinhas, e externos, como os jardins. Saiba mais a seguir.

planta de projeto de arquitetura
Foto: Revista Viva Decora

Como funciona o projeto arquitetônico?

Para que as pessoas entendam as ideias dos arquitetos e consigam as executá-las, é preciso que o profissional transcreva tudo para o papel.

Obviamente, hoje em dia, ele pode – e deve – contar com o computador para isto. Os softwares facilitarão que, depois, não só o cliente como os parceiros interpretem melhor a proposta. Mas é claro que isto só será possível após o desenvolvimento de várias plantas, incluindo desenhos de fachadas e detalhamentos de áreas estratégicas.

Será preciso ultrapassar muitas etapas até o arquiteto concluir o seu projeto arquitetônico.

Mas, sem problemas, pois esta é uma das atribuições para o qual ele foi treinado e possui autorização para realizar – inclusive, no Brasil, garantida por lei federal. 

No fim, chega-se a um conjunto completo de desenhos que seguirão para outras mãos, tendo diferentes fins – alguns de execução, outros de publicidade e memorial.

projeto simplificado de casa
Foto: Viva Decora Pro
planta baixa de projeto de arquitetura

São desenhos entregues no projeto arquitetônico (em escala e com medidas): planta de situação (identificando o terreno da casa na quadra da cidade); planta de implantação (identificando o volume da casa no terreno); planta baixa da edificação; cortes; fachadas; elevações; e detalhes.

São outros documento que podem vir junto com o projeto arquitetônico: lista de materiais; orçamento; memorial descritivo; planta de layout; planta de paginação de piso; planta de forro; planta humanizada; e vistas 3D.

projeto 3d de fachada de casa
Foto: Joice Bortoline
projeto 3d de piscina
Foto: Jorge Rech

Quais são as etapas do projeto arquitetônico?

Antes de realizar o projeto arquitetônico, o arquiteto deverá cumprir as tais etapas que antecede o mesmo.

Primeiro, conversar com os seus clientes. Depois, criar, em conjunto deles, um plano de necessidades. Na fase seguinte, visitar o terreno e realizar medição, coleta de dados e registro fotográfico. 

E, por fim, esboçar algumas ideias – com base em referências escolhidas -; criar alguns partidos; e escolher – com o cliente – um deles para o desenvolvimento do projeto arquitetônico.

planta humanizada de apartamento
Foto: Revista Viva Decora

O que pode ser entendido através das plantas de casas?

O projeto arquitetônico antecede muitos outros projetos e, ao mesmo tempo, vai “caminhar” ao lado deles mais adiante, no desenvolvimento de todo o projeto de edificação. 

É através dele que são determinadas as maiores características de uma estrutura a ser construída. Isto inclui alguns apontamentos importantes quanto aos subsistemas, como possíveis e pontos para shafts, e de decoração, como a posição dos principais móveis.

Especificamente, o projeto arquitetônico de uma casa deve dar a resposta à maior parte das questões que serão levantadas por outros profissionais envolvidos com a obra. 

Por exemplo, quais serão as espessuras aproximadas das paredes; como devem ser os caimentos dos telhados; se haverão desníveis de pisos; se cômodos serão integrados; e muito mais. 

Aliás, a elaboração do projeto de arquitetura precisa andar de mãos dadas com o projeto estrutural.

E ainda é melhor se estes dados forem integrados em um mesmo sistema de modelação de informações.

projeto 3d visto de cima
Foto: Viva Decora Pro

Assim, através de uma plataforma – que os projetistas costumeiramente chamam de Building Information Modelling – tudo ganhará novas proporções. 

O projeto arquitetônico pode ser, enfim, analisado por especialistas em outras áreas, visando o aprimoramento dos desenhos e o desenvolvimento do projeto executivo – utilizado na execução da obra. Entram nesta lista os planos de estrutura, elétrica, hidráulica, incêndio, som e automação.

Devemos ressaltar de que o BIM não é uma realidade distante, sendo obrigatório aqui no Brasil a partir de 2021.

Eis até onde simples plantas de casas podem chegar. Ao final de tudo, as mais belas construções que a arquitetura. Da teoria à prática. O caminho para a materialização de lindas ideias.

tela do coreldraw com projeto de arquitetura
Foto: Viva Decora Pro

Essas dicas de planejamento de arquitetura foram criadas pela equipe Viva Decora

Leia também:

+ Dicas para usar plantas e vasos na decoração de sua casa

+ Pequenas obras em casa, o que você vai precisar para deixar seu lar ainda mais aconchegante

VivaDecora

O Viva Decora reúne as melhores ideias de Decoração, Design de Interiores e Arquitetura em um só lugar.
Entrevistas, artigos, fotos de ambientes reais e projetos de profissionais para inspirar e ajudar as pessoas a criarem o lar dos seus sonhos.
Inspire-se!
Viva Decora é uma iniciativa do portal Viva Real.

Você pode gostar de ler também...