Mercado Imobiliário

Entenda o benefício de cada faixa do programa minha casa minha vida

O reajuste programa Minha casa minha vida, sofreu ajustes nas faixas de renda e também do limite de financiamento, no qual um número maior de residências também poderá ser custeado. Descubra os benefícios de cada faixa:

 

Faixa 1

 

A modalidade produz empreendimentos habitacionais destinados às famílias com renda mensal bruta de até R$ 1.800.

 

Os valores variam de acordo com a localidade, e o governo pode arcar com até 90% do valor do imóvel. O interessado pode se cadastrar na sua cidade e, se atender aos critérios, aguardar o próximo sorteio para um empreendimento em sua cidade.

 

O pretendente também pode ser atendido com o financiamento e, neste caso, deve fazer uma simulação para saber o valor do subsídio a que tem direito e ir diretamente à Caixa ou ao Banco do Brasil para pedir um financiamento.

 

Faixa 1,5

 

É destinada a famílias com renda até R$ 2.600 e oferece subsídios de até R$ 45 mil para financiamento de imóveis até R$ 135 mil.

 

Faixa 2

 

O subsídio de até R$ 27.500 é destinado a famílias com renda entre R$ 2.351 e R$ 4.600. A taxa de juros varia de 5,5% a 7% ao ano.

 

Faixa 3

 

O financiamento possibilita o acesso à moradia por meio de financiamento com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS, de famílias com renda bruta mensal acima de R$ 4.600,00 e até R$ 9.000.

 

Buscando um Imóvel? Encontre na Lopes

 

[+] Descubra mais dicas sobre o mercado imobiliário

 

[+] Qual é mais seguro poupança ou tesouro direto?

 

[+] Pense menos e venda mais utilizando uma ferramenta no seu dia a dia

 

 

 

Wendele Nascimento

Sou estudante de Administração na FEI/ SP e membro da Equipe de Marketing da Lopes, em que escrevo posts para o blog da Lopes sobre o mercado imobiliário e temas diversos, sempre com o objetivo de mantê-lo atualizado com um conteúdo relevante para diversos públicos

Você pode gostar de ler também...